quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Espetáculo, nossa própria tragédia.

Bem, passado  o olho do furacão, o boom da notícia, não há como não comentar sobre o ocorrido em Santa Maria. Uma tragédia. Entretanto, não cabe neste espaço debater o que todos os jornais e programas de televisão já debateram com exaustão: de quem foi a culpa, o que poderia ter sido feito... Nada disso adianta mais. É claro que os responsáveis devem ser identificados e punidos e os erros consertados para não mais serem repetidos. Mas o que me chamou a atenção foi como a  mídia lidou com a tragédia, ou melhor, de como sempre lidam com tragédias.
   Fiquei sabendo do incêndio pela GLOBO NEWS, que ficou o dia todo cobrindo a tragédia, no início não imaginei que seria algo com tamanha repercussão, mas as horas foram passando e o assunto era o mesmo. A semana começou e o assunto não mudava. Sempre a mesma coisa.  "Morre mais uma vítima da tragédia  de Santa Maria.", "Número de vítimas sobe." e repetidamente essas foram as principais manchetes da semana. Espetáculo. Essa é a palavra. A tragédia foi transformada num espetáculo para as emissoras. O mais bizarro é que o público gosta deste espetáculo " Jornal Nacional bate recorde de audiência.". As emissoras buscam desenfreadamente audiência e o público gosta de ver tragédias.
  Na última semana tive uma boa conversa sobre este assunto com minha dentista. Chegamos a conclusão de que muitas pessoas sentem-se confortadas pelo simples fato de não estarem ligadas a tragédia. As pessoas veem as tragédias como uma maneira bizarra de saber que estão bem, que há pessoas em pior situação e isso as conforta. Bizarro, mas verdade. As TVs só levam a público aquilo que gera público. 
O mau gosto do espetáculo.
Agora as manchetes dão lugar ao carnaval e a renuncia de Bento XVI e seguindo a onda das redes sociais as notícias estão cada vez mais parecidas com memes.Aparecem, explodem, geram repercussão e com a mesma velocidade que surgem somem sem dar explicações.
Esta charge é bem mais oportuna a ocasião.


quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Apenas avisando !

  Con ta bai ? Mi ta bon ! Bem pessoal, esse talvez seja um dos motivos de eu estar um pouco sumido daqui.  Conheci o papiamentu, língua falada em Aruba, Bonaire e Curaçao, e gostei muito, achei fascinante a mistura de português, inglês, espanhol e  neerlandês. Então, estou lendo, estudando e assistindo muitos vídeos sobre papiamento, pois a língua não é difícil de aprender. E, como não sei se existem cursos, procurei vários e não encontrei, estou estudando com o material que encontro na net mesmo...
   Não é só por causa do papiamentu que estou um pouco sumido início de ano é uma droga estou preparando posts também, mas para isso preciso ler e ler e ler mais ainda. É isso que estou fazendo. Adianto que o próximo post será sobre um assunto que eu e alguns amigos debatemos no Twitter dias atrás, já peguei material suficiente para isso. Tenho certeza que vocês vão querer saber o que eu acho sobre o "jeitinho brasileiro".
   Então até o próximo post, que não demorará muito pra sair !  Te otro biaha !